sábado, 16 de junho de 2018

Shortcutz Porto, 20 de Junho # 232

20 de JUNHO de 2018
Shortcutz Porto sessão # 232
Local: Maus Hábitos
Horário: 22 horas

Entrada gratuita




"Fugiu. Deitou-se. Caí." do realizador Bruno Carnide



Sinopse: Ao entrar na idade adulta, uma jovem relata os seus dias dentro de uma família disfuncional; os seus medos, desejos e frustrações, que a levam a uma busca incessante por uma paz que teima em não chegar.


"Alfaião" do realizador André Almeida Rodrigues

Sinopse:
No campo pintado de branco pela geada, os pássaros cantam enquanto ludibriam o caçador que se aquece nos primeiros raios solares. Na lareira, a madeira crepita no fogo e aquece o idoso que faz a sesta na companhia do seu gato. Estamos na aldeia, onde há sempre muito calor apesar do frio e de a chuva cair de vez em quando. Esta aldeia é Alfaião.


" Gagarin" do realizador Erick Grigorovski


Sinopse: Um menino curioso, um piloto corajoso, um foguete poderoso e toda a verdade que está lá fora.

" Vai, foguete!" do realizador Toinho Castro


Sinopse: Uma fábula, um hai-kai, uma narrativa mínima sobre um encontro num mundo perdido.

domingo, 10 de junho de 2018

Shortcutz Porto # 231

Shortcutz Porto # 231
13 de JUNHO de 2018
Shortcutz sessão # 231
Local: Maus Hábitos
Horário: 22 horas

Entrada gratuita


Laura da realizadora Tânia Dinis
Com um texto de Regina Guimarães
Com produção de Tânia Dinis e Jorge Quintela
Laura um filme ensaio, um trabalho de pesquisa e recolha de arquivos fotográficos

familiares ( anónimos).A exploração da ideia da imagem, numa experiência do tempo que passou, e do tempo que não passa, numa memória que se expande no espaço.

"Laura" na 231 edição do  Shortcutz Porto




Tenho um Rio do realizador Ricardo Teixeira
Sinopse: Jorge está cansado do dia-a-dia. Subitamente, decide fazer um intervalo na sua rotina. Convence Teresa, saem rumo ao Douro e quebram assim o cansaço dos dias com pequenos gestos de loucura e alegria.

"Tenho um Rio"  na 231 edição do Shortcutz Porto 


Ninho do realizador João P.Nunes
NINHO conta a história da vida de uma criança curiosa e sonhadora:
Miguel. Tendo passado toda a sua infância numa ilha minúscula no meio de uma ria, Miguel vive fascinado com o mundo exterior do qual apenas vê as luzes, ao longe, para lá dos muitos canais da ria.
Um dia, Miguel vê-se obrigado abandonar a ilha para ir viver na cidade, rumo ao mundo dos seus sonhos. No entanto ao viver na cidade, Miguel apercebe-se que os seus sonhos são menos ideais e utópicos do que imaginara.

"Ninho" na 231 edição do Shortcutz Porto 

segunda-feira, 21 de maio de 2018

Shortcutz Porto sessão # 230

23 DE MAIO
Shortcutz Porto sessão # 230
Local: Maus Hábitos
Horário: 22 horas
Entrada gratuita

Título do filme: Laranja Amarelo
Realizador: Pedro Augusto Almeida
Portugal, 2017, Ficção, 10:00, M14
Língua da versão original: Português
Língua da legendagem: Inglês



Sinopse:
Tiago é levado pelos sonhos de uma relação mal resolvida. O verão está a acabar, a banda dos amigos vai dar um concerto. Sofia aparece para tirar fotografias.







Título do filme : The Voyager
Realização/Animação/Banda Sonora: João Gonzalez
País: Portugal, 2017, Animação, 4:39
Classificação etária: Todas as Idades
Língua da versão original: Sem diálogos


Sinopse: Um pianista que vive sozinho numa grande metrópole e que sofre de agorafobia (fobia de sair de casa) é confrontado com a necessidade de se deslocar ao exterior, para reabastecer os seus medicamentos.
A exibição idealizada deste projeto conta com uma performance musical ao vivo da banda sonora (pelo próprio realizador/compositor) em piano, acompanhando o filme.








Título do filme : Bom Caminho (English title: A stop to Santiago)
Realizador: Bárbara Tavares
Portugal, 2017, documemtal, 25 minutos
Classificação etária: livre (não oficial)
Língua da versão original: português, inglês e espanhol
Língua da legendagem: português e ingles





Sinopse:
Entradas e saídas, dia e noite, alegria e dor, amigos e desconhecidos. Contrastes no Caminho de Santiago. Uma casa. O albergue que serve de retiro e local de comunhão. Ritos e rituais diários. Marcado pela passagem do tempo e dos peregrinos, o albergue reúne os vestígios de ambos, construído a sua própria história.





Festival convidado Porto Femme


Em 2016 nasce a XX Element Project – Associação Cultural com o objetivo de promover o enriquecimento cultural da população em geral e de atividades de carácter cívico e social, com especial enfoque na temática da mulher, promovendo a igualdade do género.
Ainda não se pode falar da história desta associação, mas sim do seu futuro que passa pela organização de ciclos de cinema no feminino, com programação dedicada à mulher. Nestas sessões, o espaço para o debate e a reflexão estará aberto com a presença de convidados que estimularão a discussão.
O grande projeto da associação acontecerá em 2018 com a organização do PORTO FEMME, o primeiro Festival Internacional de Cinema no feminino em Portugal.




quinta-feira, 10 de maio de 2018

Shortcutz Porto # 229

SHORTCUTZ PORTO

16 DE MAIO
Shortcutz Porto sessão # 229
Local: Maus Hábitos
Horário: 22 horas
Entrada gratuita

Título do filme : Deus Providenciará
Realizador: Luís Porto
Portugal, 2015, Drama, 14:30 min, maiores de 16
Língua da versão original: Português
Língua da legendagem: Inglês


Sinopse: 1984. Maria vive sozinha no interior do país numa aldeia recôndita. É uma mulher de fortes convicções morais e religiosas. Sozinha e isolada não tem como justificar uma gravidez súbita e indesejada.


Título do filme : Coerência
Realizador: Miguel De
Portugal, 2016, Ficção Documentário, 11'26'', M12
Língua da versão original: Português
Língua da legendagem: Inglês








Sinopse:
No final da minha vida, quero olhar para trás e ter uma história para contar. Uma história com princípio, meio e fim, com pontos de viragem, com um caminho sem desvios, certeiro, definido, que identifique um padrão. Uma história limpa para contar. Uma história coerente.


Titulo do filme: O Sonho do Quarto Azul
Realizador: Luis Lhano
Portugal, 2015, Animação e ficção científica,  3 min, maiores de 16
Língua da versão original: Português
Língua da legendagem: Inglês


Sinopse: Animação digital independente baseada no filme "Blade Runner" (1982). Aborda a temática dos sonhos como agentes definidores de identidade num contexto social futurístico envolto em detalhes que marcam a influência de narrativas do autor.




Projeto convidado : Minimamente Conhecidos
Autor: Eduardo Marques

Apresentação de alguns episódios inéditos da segunda temporada da série “Minimamente Conhecidos”.

Eduardo Marques, um performer despropositado, egocêntrico e muito mal preparado decide criar um Talk Show para dar a conhecer alguns novos artistas. A ideia é boa mas o resultado final é caótico.









quarta-feira, 21 de março de 2018

Shortcutz Porto em parceria com o PORTO FEMME - International Film Festival e o Festival Feminista do Porto


Shortcutz Porto
21 de Março, 22 horas
Local: Gazua
Entrada gratuita
Sessão 228 


Hoje, o Shortcutz Porto em parceria com o PORTO FEMME - International Film Festival e o Festival Feminista do Porto vai exibir uma mostra de filmes no GAZUA às 22 horas. Entrada gratuita 
"Frames On Women" de André Marques Spencer Frames - Portuguese Film Festival
- Inversões Bárbaras, de Paulo Emilio (BR/ PT)
- Transmineral, de Sofy DPaula (BR)
- Extrasystoles (contractions anarchiques du coeur), de Marin Marie (FR) (em francês com legendas em inglês)
Com a presença de Paulo Emílio e Marin Marie




Shortcutz Porto e o festival femista

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Shortcutz Porto # 227- Shortcutz Porto em colaboração com o Porto Femmes e Festival Feminista do Porto

Shortcutz Porto # 227
Dia 7 de Março / 22 horas
Entrada gratuita
Local: Maus Hábitos

Shortcutz Porto em colaboração com o Porto Femmes e Festival Feminista do Porto
Pelo segundo ano o Shortcutz Porto colabora com o festival Feminista do Porto e com o Porto Femmes.
Dia 7 de Março  ( Maus Hábitos) e dia 21 de Março ( Gazua) apresentamos uma programação especial.


“Eu e Tu até sermos TODAS!” é o lema da 3ª edição do Festival Feminista do Porto (FFP), que tem como foco a desigualdade de género e as discriminações baseadas na raça, nacionalidade, classe, sexualidade e capacidades são os principais focos do festival. 
O programa do FFP inclui várias iniciativas como debates, tertúlias, ações de rua, performances, teatro, concertos, exposições, lançamentos de livros e cinema.




Shortcutz Porto em colaboração com o Porto Femmes e Festival Feminista do Porto presenta uma Mostra de Filmes “Por um Cinema Negro no Feminino – Brasil” com curadoria de Janaína Oliveira é composta por realizações significativas da produção negra feminina brasileira na contemporaneidade. O objetivo desta mostra é apresentar ao público uma fração da força dessa geração que vem fortalecendo produções coletivas, destacando o protagonismo feminino negro nas produções audiovisuais do país ao buscar quebrar as barreiras de produção do cinema nacional no Brasil.


Programação:


Empoderadas - #EP04‬ 2º temporada  - Sueli‬ Carneiro (Renata Martins, São Paulo, 2016, 8 min)‬‬

Sueli Carneiro é uma das maiores referências brasileira na história do feminismo negro. Nascida na Lapa e criada na zona oeste de São Paulo, Sueli sempre soube o que era ser negra. Foi a partir de seu ingresso na faculdade de filosofia e na militância do movimento negro que o seu conhecimento se transformou em ação. Referenciada em Lélia Gonzales e Abdias do Nascimento, Sueli Carneiro é filósofa e doutora em educação e uma das fundadoras do Geledés – Instituto da Mulher Negra. Em nosso encontro, Sueli é mais do que a voz da militância e do feminismo negro, ela nos conta sua história como uma boa matriarca que é.

Maíra está bem (Juliana Lima, Pernambuco/ Brasil, 2017 , 8 min).

Através de narrativas o vídeo documentário Mayra está bem, sobre a solidão da mulher negra, apresenta experiências de mulheres que resolveram militar pela sua independência e contra o cruel cotidiano social imposto pelo racimo e pelas discriminações, mas que têm em comum o fato de não ter parceiros afetivos fixos. São depoimentos carregados de sentimentos causados pela exclusão e pelo preconceito.

Monga  (Everlane Moraes, Brasil/Cuba,  2017, 15 min)

Uma mulher me convida a tomar uma xícara de café. Esse é o inicio de uma conversa íntima que me permite descobrir y esboçar o retrato de Ramona Reyes, uma plantadora de café popularmente conhecida como Monga, a gigante. 


Fé Menina  (Coletivo Mulheres de Pedra, Brasil, 2017, 6min)

Série "Mangue, terra, água, barro, vida, criação. Nossa ancestralidade vibra na face da baía, a luz da lua e do sol, acorda a potência feminina, saudando o ventre da vida. Conectadas com o sagrado dos elementos, o fogo, a terra, o ar, a origem que da água desponta, ecoa o encontro há tempos marcado e vivenciado por mulheres. A Série Fé...menina é experiência-vivência que conecta periferias, coletivas, úteros, estéticas, memórias, inspirações. Ritual audiovisual feminino que celebra a ancestralidade e desperta potências pretas."

Merê (Urânia Munzanzu, Brasil, 2017, 15min


Um filme de Mulheres que parte da experiência da diretora Urânia Munzanzu, para falar de protagonismo feminino na tradição Jeje Mahi, tradição religiosa e fé em pontes transatlânticas - do recôncavo da Bahia ao Benim /África. Um documentário com um olhar íntimo e sensível, (re)unindo as “donas do segredo” de uma tradição sob risco de extinção, a nação de candomblé Jeje.  O filme convida as matriarcas do culto de Vodun na Bahia para seu primeiro encontro com a Terra Mãe. Levando as herdeiras da ancestralidade que forjou no Brasil  “outras Áfricas” a diretora refaz o percurso das Rotas da escravidão trilhando caminhos de liberdade.

Eu preciso dessas palavras escrita  (Milena Manfredini,  Rio de Janeiro/Brasil, 2017, 15).

O passado de Arthur Bispo do Rosário é praticamente desconhecido. Sabe-se apenas que era negro, marinheiro e pugilista. Em 1938 é internado na Colônia Juliano Moreira após um delírio místico. Com diagnóstico de esquizofrenia paranoide é iniciada sua peregrinação em busca do divino e da catalogação do universo.

Travessia (Safira Moreira, Rio de Janeiro/Brasil, 2017, 5min)

Utilizando uma linguagem poética, Travessia parte da busca pela memória fotográfica das famílias negras e assume um postura crítica e afirmativa diante da quase ausência e da estigmatização da representação do negro.     


Mais informações em : Facebook

Programação do Shortcutz Porto :
Luísa sequeira
Programação  Porto Femmes: 
Rita Capucho